terça-feira, 11 de novembro de 2008

Aleivosia de Helioween



Esta noite, quando eu surgir no pé da sua cama
em meio a raios pálidos e brumas fedorentas
vou penetrar nos seus piores pesadelos
E devassar seus pobres segredos
Enquanto você tenta gritar mas a voz não vem.
Esta noite vou saír pra passear
e não vou voltar de mãos vazias.
Quero trazer a sacola repleta de aleivosias.

Esta noite sua alma vai secar vazia.
Quando eu chacoalhar seus ossos magros
com minhas mãos podres e cheias de pecados,
beber a sua calma e fritar seu pensamento
no meu caldo quântico de maldade.
Você vai sentir saudade dos seus terrores noturnos.
E sua maior verdade será minha companhia.

Helio Jenné


0 comentários: